Aumento das tarifas de pedágios paulistas

A partir de sexta-feira, dia 1° de julho, os valores dos pedágios das estradas de São Paulo ficaram ainda mais caros. O reajuste foi autorizado pela Agênia de Transporte do Estado de São Paulo, a ARTESP, e corresponde a 9,32%.

O aumento é baseado no IPC-A, o Índice Nacional de Preços do Consumidor Amplo, acumulado nos últimos 12 meses, e justifica também nas obras, manutenção e operação de rodovias paulistas sob concessão, que somam 6400 quilômetros.

Em Indaiatuba, o pedágio da Rodovia Santos Dumont, a SP-75, o preço pulou de R$11,50 para R$12,60. A variação foi de R$1,10 a mais.

Em outras estradas da região, na Rodovia dos Bandeirantes, o pedágio de Sumaré passou a custar R$7,70, em Limeira R$5,80. Na Rodovia Anhanguera, a tarifa em Nova Odessa agora é de R$7,70, em Valinhos R$8,80, e para ir à São Paulo, R$8,80. Já na Rodovia “Campinas-Monte Mor”, o valor subiu para R$6,00.

Segundo a ARTESP, por causa do ISSQN, o Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza, que incide sobre a tarifa de pedágio, uma verba de R$451 milhões e 700 mil reais foi repassada para 264 prefeituras em 2015. Os valores deverão ser usados em investimentos nas cidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Blue Captcha Image
Atualizar

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>